Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



O cliente sai a ganhar?

por O ultimo fecha a porta, em 31.08.17

Nestas férias, fui ao Banco para ver se havia alguma maneira de ter isenção nas comissões de manutenção de conta que me queixei aqui (alguma eventual domiciliação de ordenado ...).

 

Perdi o meu tempo! Fui lá para poupar, mas tentarem-me vender mais produtos, que não preciso e com custos onde nunca iria sair a ganhar.

 

Vejam bem:

Custos

- A conta proposta inclui comissões de 4,25 €/mês (com a condição de ter o ordenado domiciliado)

- inclui um cartão de crédito com custos de 2 €/mês - que não preciso

(custo fixo mínimo de 4,25 +2 € + imposto de selo)

- Taxa de juro do crédito: nem percebi qual é no folheto que me deram, mas varia (?) entre 13,3% e 16,7%

 

E o que o oferece ao cliente:

- 9 cêntimos na Repsol

Ou seja, obriga-me a abastecer na Repsol se quiser "ganhar" com o cartão

- 2% da Via Verde

Ou seja, obriga-me a andar na auto estrada se quiser "ganhar" com o cartão e 2% são meros cêntimos, se atingir .

- 1% nas compras com o cartão de crédito

Não preciso de usar cartão de crédito e a maior parte dos custos que tenho estão por débito direto e a renda por transferência automática.

 

O bancário fez o seu trabalho. Respeito. Mas senti que me estavam a comer por lorpa.

 

Então, vou ao banco para poupar uns euros e este tenta-me arranjar ainda mais despesas, num produto cheio de limitações, complexo e que não preciso. Ele diz-me para olhar para os benefícios com os custos, mas eu efetivamente não vejo nenhum beneficio na conta, muito pelo contrário. Bem, agradeci o tempo que despendeu comigo e disse que ia pensar, mas prefiro pagar os 2 € do que esta cena marada.

Eu bem digo que não aprendemos nada a crise!

 

A Cláudia e a Mula referiram a existência de 2 bancos com isenção de despesas: o Ativo Bank e os CTT. Infelizmente vejo os CTT, como uma CGD versão 2 ao nível de relação com o cliente e preparação técnica de quem atende, o que não me agrada. Quanto ao Ativo Bank, parece uma boa alternativa para analisar.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:17


37 comentários

Imagem de perfil

De Marta Elle a 31.08.2017 às 19:20

O cliente nunca sai a ganhar, acho eu.
Sem imagem de perfil

De Cláudia a 31.08.2017 às 19:27

Lá está, eu não tinha noção até ter lá trabalhado e maior parte das pessoas também nem devem sonhar... Os bancos são autênticos trabalhos como comerciais. Não vendem é de porta em porta. É horrível.

Fizeste bem em não te meter nisso.
Em relação aos CTT, não te sei dizer se é esse o "espírito" mas também quando não estiver satisfeita, troco =)

Beijocas
Imagem de perfil

De marrocoseodestino a 31.08.2017 às 20:23

Nunca ganhamos.
O banco com que trabalho mandou uma carta cá para casa a informar que nos tinham atribuído um credito especial de 250 euros.
Na altura que li a carta achei que se tinham enganado já que não tínhamos pedido nada. Lá fui eu saber o que se passava.
Explicou a tal atribuição, não consegui saber o porquê. Ora estes 250 euros seriam pagos durante 6 meses e com juros mais baixos.
Recusei e ela tratou de anular. Pois bem hoje confirmei que ainda se encontrava activo. Para a semana lá vou eu dizer que não quero nada.
Ninguém dá nada a ninguém
Imagem de perfil

De O ultimo fecha a porta a 05.09.2017 às 00:30

É impressionante!
Depois vêm os incumprimentos e o povo português é chamado a cobrir os desvarios dos bancos com resgates e mais comissões de manutenção. Não aprenderam nada com a crise.
Pior., põem o valor mesmo à disposição do cliente.
Imagem de perfil

De Maria Araújo a 31.08.2017 às 20:44

O banco que foi é o mesmo banco onde tenho conta domiciliada, desde 1996.
Tenho esse cartão há dois anos, e lá está, foi-me imposto , aliciando para os descontos que tinha.
Raramente vou à Repsol , só utilizo a auto-estrada quando vou à praia e só na ida, porque na vinda venho pela EN.
A única razão que me levou a aceitar o cartão, é porque é um VISA, também, e dá-me para fazer pagamentos de viagens e/ou compras online, embora estas sejam raras.
Uma amiga minha acabou com a conta na CGD e passou para o Barclays, penso eu que é este, tem menos despesas de manutenção da conta.
Hei-de pedir conselho.
Na próxima semana, vou tratar do cancelamento do meu cartão.
Ah! Esqueci-me de dizer que no início do ano, ligaram-me para fazer o seguro que devia estar associado ao cartão.
A insistência foi tal que acabei por assinar, pago cerca de 14 euros por mês, logo este cartão é caro.
Entretanto, recebi o VISA Light que é mais confortável, mas acho que nem este, que ainda não está activo, vou aceitar.
Estou farta de ver os bancos ganharem à nossa custa.
E se insistir ainda lhe digo que mudo de banco.
Ninguém pode obrigar ninguém a ser cliente.



Imagem de perfil

De O ultimo fecha a porta a 05.09.2017 às 00:32

é preciso ter cuidado com as anuidades dos cartões e ver se compensa como tentam vender. no meu caso claramente não compensou.
Imagem de perfil

De Andy Bloig a 31.08.2017 às 20:51

Confirma é muito bem as condições e o que usas.
No banco dos CTT há limitações em vários serviços e se os usas para lá do limite, tens de pagar comissões bem gorduchas. (Como por exemplo se fizeres uma transferência, para uma conta de outro banco, via multibanco tens de pagar comissão, só é gratuita se a fizeres pelo homebanking.)

Do ActivoBank confirma muito bem o que vais fazer... são do BCP mas, as comissões é à grande e à francesa. Se receberes um ordenado abaixo dos 600 euros, tens de pagar alguns 90 euros, mais impostos, por incumprimento de contrato e se quiseres fechar a conta durante a "fidelização" de 2 ou 3 anos, sacam-te mais de 60 euros por cada ano em falta.
Imagem de perfil

De Descontos a 31.08.2017 às 21:45

Peço desculpa, mas essas informações sobre o Activo, penso estarem erradas. Não tem mínimos para que a conta seja isenta de custos de manutenção.
O tarifário está a partir da pg. 26
Imagem de perfil

De Andy Bloig a 31.08.2017 às 22:18

Custos de manutenção é uma coisa, custos por quebra de contrato é outra, assim como as comissões pelos serviços prestados. Lá por o custo de manutenção da conta ser gratuito, a utilização da conta tem várias condições que tem de ser bem vistos, antes de serem subscritos.
Tem aqui o preçário actualizado com as várias condições para os vários tipos de conta que o intermediário fornece aos clientes:

www.activobank.pt/PDF/PRECARIO_Aviso_8_2009.pdf

A manutenção é zero euros mas, há muitas operações, que se forem usadas, são pagas. Como é o caso de quem tenha uma conta ordenado que tem uma validade de 24 meses, sendo que todos os meses é necessário existir um depósito acima de 599,99 euros que use um dos códigos de rendimento. Se nalgum mês o ordenado for inferior é cobrada uma comissão por quebra de contrato por parte do cliente (e há muitas situações que pode acontecer). É possível contornar isso, fazendo um depósito da diferença e pedindo que seja creditado com o código de vencimento, se a pessoa tiver essa possiblidade e não se esquecer. Já tive um problema com eles, aprendi a ler TODAS as condições e as alíneas que se perdem no meio de tanta letra e que são paralelas à ficha normalizada.
Imagem de perfil

De Mula a 01.09.2017 às 00:28

Eu tenho conta no ativobank há mais de dois anos, nunca tive um ordenado lá domiciliado - basicamente só uso porque o meu banco principal onde tenho o crédito habitação não disponibiliza conta poupança, e criei aqui no ativo uma conta poupança com uma conta à ordem associada - e NUNCA paguei nada ao banco, nem despesas, nem multas, ou lá o que seja, por isso não entendo o que entendes por "por incumprimento de contrato" é apenas uma conta banal que não permite grandes transacções ao balcão e sempre que precisamos de levantar quantias avultadas temos de ir ao Millenium. Quanto a transferências... temos sempre de ir à caixa para transferir dinheiro sem custos, mas isso pelo que sei é assim em todos ou quase todos os bancos, até no BIG que é online, se fizeres online as transferências, pagas.
Imagem de perfil

De Andy Bloig a 01.09.2017 às 10:10

Estás a misturar as coisas como disse a outra comentadora...
Se fores ao teu homebanking e puxares a lista de serviços disponíveis, vais ver mais de muitas opções de "upgrade de conta". Uma delas é a conta básico (ou base) ordenado. Que tem vantagens sobre a conta basica. Na conta ordenado existe uma da condições obrigatória que é receber 600 euros, no mínimo, entre dia 20 e dia 8 do mês seguinte, que seja registado com o código de rendimento. Se nalgum mês não der entrada o valor de 600 euros, o cliente entrou em incumprimento e o cobram uma comissão por esse incumprimento.
O activo é um intermediário financeiro mesmo para esses tipos de operação que referes, daí que não cobra manutenção mas, cobra (e bem) por qualquer outra operação que não esteja nos serviços subscritos. Daí ter dito que ele precisa de conferir TODAS as condições para o caso de precisar de um serviço. Tal como tens uma conta principal noutro lado e essa é um extra para investires dinheiro. Ele quer ter uma conta principal.

Tive conta no Big desde 2001 e em 2008 mudaram as condições passando a cobrar uma comissão pelas transferências interbancárias, sendo gratuitas as intrabancárias, sem avisarem da alteração passei para o activo até que em 2012 tive aquela surpresa. Sei que foi por minha culpa pois aproveitei as condições de uma campanha, naquele mês não me lembrei (foi na altura que descobri que as contas deles tinham fidelização ao banco) e tive de pagar caro por isso. Em 2015 acabei com essa conta, uma outra que tinha no BPI e fiquei só com a original.

Tenho conta na CGD. Não pago qualquer comissão, porque tenho 5001 euros num depósito a prazo que dá... 3 euros de juros anuais. O cartão de débito não paga anuidade, se fizer 600 euros de pagamentos, em POS, anualmente. Mas, isto são condições que é preciso verificar banco a banco, pensando no perfil de como se usa a conta e como se vai usar para o futuro.
Daí que é preciso consultar TODAS as condições e comparar se cumpre tudo o que é preciso. Porque as contas é preciso corresponder e não se esquecer das condições previstas no contrato (tal como também tens de cumprir com o banco onde tens o crédito para habitação).
Claro que é possível ter uma conta base que a única obrigação é ter um saldo mínimo mensal acima do valor previsto e aí a banca online é mais barata.
Sem imagem de perfil

De Joana a 31.08.2017 às 20:51

Eu já experimentei o Banco CTT e o ActivoBank.

Não gostei do BancoCTT. Em termos de site é uma porcaria e isso é um factor muito importante.

Gosto do ActivoBank. Até agora não tenho razão de queixa. Funciona tudo bem.
Imagem de perfil

De cheia a 31.08.2017 às 20:52

Os Bancos costumam dar um chouriço a quem lhes der um porco.
Imagem de perfil

De HD a 31.08.2017 às 21:13

Só contrapartidas duvidosas... :s
Imagem de perfil

De Descontos a 31.08.2017 às 21:37

Boa noite,
eu sou cliente do BCP desde o tempo em que se chamava Banco Atlântico. Por nenhuma razão especial, era junto ao trabalho, não deu problemas e fui ficando.
Recentemente estavam a cobrar comissões exorbitantes por isso fui para o Activo (também do grupo BCP). Até à data não tenho queixas.

Quando abri conta, deram-me 1 cartão MB, 1 cartão de crédito (até €250, se não estou em erro; não uso) e 1 cartão recarregável que funciona como cartão de créditos, para usar em pagamentos na internet (gosto dele pela segurança).
Funciona muito bem em ambiente internet. Gosto de poder abrir/fechar aplicações a prazo, porque utilizo um "sistema de envelopes" nas minhas finanças pessoais. Os juros são miseráveis (como em todo o lado, agora).
Têm um sistema de pontos que, no meu caso que não uso cartão de crédito, me dá 100 pontos por cada vencimento depositado. Aos 1000 posso trocar por um bilhete para o cinema. É melhor que nada.

Quando à utilização de balcão, confesso que não tenho experiência. Nunca usei, excepto para abrir a conta e isso já foi há uns anitos. Sei se cobram os movimentos ao balcão (Activo ou Millenium) e cheques.
As transferências são gratuitas.

Realmente, se se adequar ao seu estilo de vida (web banking), não vale mesmo a pena pagar despesas de manutenção.
Imagem de perfil

De O ultimo fecha a porta a 05.09.2017 às 00:35

Parece ter vantagens. Vou analisar tb tendo em conta os inputs do Andyblog.
Imagem de perfil

De Robinson Kanes a 31.08.2017 às 22:22

Não te estavam a tentar enganar, somente tentaram oferecer-te serviços prestando-te algumas vantagens. Para ti não resultou mas resulta para muitos :-)

Existem benefícios se fores utilizador da Repsol, das AE e de cartão de crédito. De facto a oferta não foi ao encontro do teu perfil. Além disso, tentaram fazer um "upsell", não é o fim do mundo :-)

Analisa bem todas as propostas, olha que ninguém dá nada a ninguém. A partir daí escolhe a mais ajustada às tuas necessidades. E, mais um vez, os bancos não vivem do ar, mal ou bem, estão a prestar um serviço.

Comentar post


Pág. 1/3



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D

Blogs Portugal