Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Turistando pelo Algarve - Parte 1

31.08.21

Este ano escolhi o Algarve para passar alguns dias.

Três razões estiveram na base da minha escolha:

  • ser um destino nacional não fosse o COVID pregar uma partida e porque ainda não estava vacinado;
  • já não ia há muito tempo e só conhecia Albufeira/Portimão 
  • não esperava muita confusões devido às restrições de viagens para turistas estrangeiros.

Escolhi a zona do sotavento, ficando hospedado em Tavira, fugindo assim aos destinos mais procurados.

 

Tavira

Uma cidade muito bonita.

A margem comprida sobre o Rio Gilão permite um passeio agradável. Um antigo mercado está convertido em lojas de produtos locais, seguindo-se um jardim e o ex-libris, o Coreto, no meio.

 

Passando para a margem esquerda, temos a zona de ruas medievais, pedonais, com restaurantes, artesanato e afins.

 

Tavira não tem diretamente praia, pelo que só conheci à noite. A praia requer ir de barco devido aos braços da Ria Formosa. 

 

Praia do Barril

Fica muito perto da Tavira e é mais uma praia que requer atravessar a Ria Formosa. Esta não implica ir de barco, uma vez que há uma ponte sobre a ria. Com muito estacionamento à volta, são cerca de 2km que nos separam da praia, havendo a opção de ir de comboio. É uma das atrações. Com o calor, optamos por ele.

 

Tinha muita curiosidade em conhecer a praia devido ao "cemitério" de âncoras antigas da pesca do atum. Efetivamente é muito original este cenário. As fotos falam por si.

IMG_20210716_095755.jpg

 

Mais à frente, na zona de Santa Luzia tem bastante oferta de restaurantes de polvo.

IMG_20210716_134631.jpg

 

Vila Real de Santo António

Uma manhã dedicada a esta cidade que tem muitas coisas para ver. As ruas são desenhadas a regra e esquadro: paralelas e perpendiculares. As ruas largas e caiadas de branco levam-nos até à avenida junto ao Rio Guadiana. Aí, deparamo-nos com palmeiras e uma vista agradável. Uma estátua com pedras sobrepostas umas sobre as outras chama a atenção. Na rua principal, surpreende a quantidade de lojas de atoalhados. Dizem que os espanhóis vêm a Portugal comprar têxteis lar. Outro factor de interesse é o farol. Bem visível ao longo do passeio de toda a cidade.

IMG_20210714_105456.jpg

 

No regresso, passamos por Monte Gordo. Não paramos porque estava muita gente, muita confusão. Foi mesmo a praia algarvia onde estava mais trânsito e movimento. Surpreendeu-me ser um destino tão procurado.

 

Cacela Velha

Foi por aqui que passamos a tarde. Uma pequena localidade com um miradouro extraordinário sobre a praia e Ria Formosa. A igreja fica virada para o mar e torna especial. Com um largo descampado para estacionar, chegamos até à praia pelo areal. A água é anormalmente quente e estava-se muito bem. O problema foi o regresso. A maré subiu e a praia ficou isolada. Os locais já têm barcos (e negócio) para transportar as pessoas da praia à localidade. Devido à falta de opção, o preço de 5 minutos de barco pareceu-me muito elevado. Se soubéssemos, tínhamos arrumado mais cedo.

IMG_20210714_120009.jpg

 

Inspirei-me na criação deste roteiro neste post que até foi destacado pelo sapo.

(continua)

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:19

Ansiedade

28.08.21

IMG_20210606_090058.jpg

Nestes últimos dias tenho continuado às voltas com um recrutamento para a minha equipa no trabalho. Desta vez aprovaram um estágio para recém licenciado/mestrado.

 

Costumo fazer a pergunta clichê dos pontos fortes e de melhoria. Tendo em conta que estava a perguntar a miúdos de 21/ 22 anos (da geração 2000 ) estava curioso para saber.

Em 4 entrevistas, 4 respostas iguais no ponto de melhoria: a ansiedade.

 

É curioso porque mais jovens não deveriam estar tão preocupados nem pressionados.

Não sei se é geracional, se é de terem apanhado a pandemia na licenciatura ou se é resposta que o gabinetes de apoio ao aluno/sites de dicas de entrevistas sugerem dar.

 

Têm contacto com miúdos destas idade?

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 18:56

A roda de um avião em Cabul

22.08.21

cabyl.jpg

Nestes últimos dias, temos assistido a imagens chocantes vindas do Afeganistão.

Em pleno ano de 2021, as gerações mais novas (onde eu me incluo) estão a ser confrontadas com uma realidade que não costumamos ver. As televisões têm dado um amplo destaque à tomada do poder dos Talibãs no país.

Um cenário de desespero e medo de um povo que já sabe o que o espera e que muitos de nós até aqui preferia fazer zapping quando notícias breves chegam de África ou do Oriente. Nestes dias, têm-nos impingido esta realidade com muitas questões éticas e de direito humanos.

Vemos e sabemos de um regime extremista, muito violento, militar, sem sensibilidade e sem humanidade.

 

Ouvia ontem um relato hediondo e perturbador de uma prática medieval que os Talibãs fizeram aos seus opositores nesta perseguição. Quando lemos as regras para as mulheres e crianças e a "caça às bruxas" perguntamo-nos como é possível em 2021. Que sorte temos estar em Portugal.

 

Enquanto Joe Binden se acobarda na decisão de Donald Trump (será que dar margens a inimigos sem escrúpulos é ter uma missão concluída?), a China recolhe imagens de calma em Cabul (porque será? ...), vemos uma imagem impensável. Pessoas agarradas à roda de um avião a fugir dos seus novos lideres. Numa tentativa de sobreviver, escolheram a morte menos dolorosa.

 

É chocante! Houve quem dissesse que viemos melhor da pandemia. Eu só vejo pior!

 

E há outra coisa: as razões para invadir o Afeganistão estiveram relacionadas com o ataque terrorista do 11 de Setembro e para desmembrar a AlQaeda. A pergunta é: quando será o próximo ataque terrorista? Com Joe Binden não deverá ser, mas daqui a uns anos ...

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:56

Notas do fim de semana

15.08.21

sradasaude.PNG

- Os negacionistas manifestaram-se aos empurrões ao Almirante, estrategicamente colocados, para os diretos das televisões, a contestar nem percebi bem o quê.

Qual foi a parte do "voluntário" ou do "vacina não obrigatória" que não entendera,?

A resposta do Almirante foi estupenda: “o negacionismo mata”.

Ontem foi a descredibilização completa deste movimento que pecou muito ignorância e show-off.

 

- O Mercadona está em força a abrir aqui na região.

Fui ao de Espinho - prateleiras vazias com um claro défice de aprovisionamento. Preço da fruta elevado (caro), pouco sortido (só marca própria) mas trouxe uns mini magnuns deles. Bom preço, mas muito doces - não recomendo. Não fiquei nada convencido. Muita publicidade e fama, pouca uva.

Esperava outra coisa, depois desta febre de abertura vamos dar uma 2ª oportunidade.

 

- Lá por fora, o Afeganistão é notícia e não pelas melhores razões. Os talibãs extremistas e regressistas tomaram conta do país (mal após Donald Trump sair do poder ...). Pouca felicidade e segurança se espera para o mundo e para aquele povo.

 

- Alguém este fim de semana, alertou para a lei da Paridade nas autárquicas. A lei é cumprida, mas a mulheres são relegadas para posições sem relevo. Olhando para as principais câmaras não se vêm mulheres candidatas com probabilidade de ganhar.

Lisboa - 2 homens

Porto - 1 independente homem + 2 homens

Braga - 2 homens

Aveiro - 2 homens

Gaia - 2 homens

Oeiras - 2 homens

Coimbra (vá, vou incluir aqui nesta lista mas o peso da cidade é cada vez menor) - 2 homens

A única que consegue chamar a atenção e não pelos melhores motivos é Susana Garcia, vá se lá saber o que Rui Rio pretendia com isto. Por outro lado, Rui Rio aposta em Freixo de Espada à Cinta numa presidente com graves acusações e que tentou agredir um jornalista que a investigava. É isto.

 

- Feriado, 15 de Agosto, dia da Assunção. Foi dia de atividade diferente com ida ao Santuário da NS da Saúde a correr. Brevemente contarei pormenores.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:39

PayvaPé 03 - Baloiço de São Gens

11.08.21

IMG_20210801_083919.jpg

 

Depois do PayvaPe 07 - Monte de São Domingos, o meu grupo foi conhecer um novo trilho o PayvaPe 03.

 

O PayvaPe é um conjunto de trilhos circulares no concelho de Castelo de Paiva que passam por alguns dos principais miradouros e pontos de interesse. Têm a particularidade de começarem todos numa igreja, sendo fácil o ponto de encontro.

O PayvaPe 03 começa na Igreja de Santa Maria de Sardoura e leva-no ao Monte e Baloiço de São Gens. O percurso é quase todo rural e o início é muito agreste porque uma boa subida até ao Baloiço.

Como sempre, basta seguir a seta azul. Lá em cima é andar de baloiço e desfrutar a vista sobre o Rio Douro.

 

 

Após chegar ao topo, começa a descida ... a pique. É uma parede (descida com elevada inclinação) para recuperar e daí é seguir pelos campos e milheirais de Sardoura. As setas nalguns sítios estão camufladas pelo milho.

Segue-se então rumo à margem do Rio Douro, passando por uns bons spots para fotografar e apreciar a paisagem.

IMG_20210801_101341.jpg

Depois é seguir em direção à igreja da partida, passando por uns sítios muito engraçados.

são gens.PNG

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:20

Educação Física

09.08.21

IMG_20190928_142839.jpg

Terminaram os jogos olímpicos.

4 medalhas para Portugal e com um apelo comum dos participantes: apostar mais na Educação Física nas escolas.

 

Temos uma população muito sedentária, agravada pela pandemia e com adultos e miúdos cada vez mais fechados em casa a jogar Playstation e/ou entretidos com ecrãs.

O hábito de brincar na rua, correr e até jogar à bola perdeu-se.

 

Sobre este último, ouvem-se queixas recorrentes de alguns pais que maltratam árbitros e treinadores pois acham que os seus filhos vão ser todos Cristiano's Ronaldo's. Por outro lado, procura-se incentivar o desporto feminino, chamando meninas para o futebol, havendo ainda muito preconceito.

 

Já o disse uma vez e continuo a defender que a natação deveria ser obrigatória nas escolas, pelo menos uma vez no percurso obrigatório escolar.

Não só porque é o desporto mais completo porque trabalha todos os músculos, mas também tendo Portugal metade do seu perímetro mar, mitigaria afogamentos. Claro que há limitações como a existência de piscinas, mas com os fundos europeus das últimas décadas quase todos os concelhos têm uma piscina coberta.

 

PS: Lembrei-me agora que no Colégio Ribadouro havia dispensa de Ed. Física para agradar aos pais pagantes. Como é óbvio não me refiro a essas fraudes 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 20:02

Carro destravado

03.08.21

Hoje vinha para casa do trabalho e vejo um carro desgovernado a atravessar a estrada, indo contra o muro.

Atrás, vinha um senhor a correr atrás dele.

O homem deixou o carro destravado e por sorte não estava ninguém no local errado à hora errada.

 

E assim se podia ter gerado um acidente e custado vidas. 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:27


Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.