Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Do fim de semana

16.06.24

Praia.PNG

- Primeiros dias de praia

Apesar do fim de semana nublado, estiveram dois dias ótimos de praia. Praia deserta (só estava eu, o nadador salvador e mais duas toalhas), água calminha, quentinha e uma temperatura amena. Apesar de pouco soalheiro, não estava vento. Soube-me pela vida!

Aproveitei para ler o novo livro do nosso José da Xã.

 

- Bola Nívea

Ontem, reparei que já foi instalada a Bola Nívea na Praia Azul. Um clássico de Verão. Remeteu-me de imediato para a minha infância, quando a minha mãe ficava estrategicamente junto daquela no caso de me perder. Logo saberíamos onde estava a toalha.

 

- Preço dos gelados

Ontem alguém se queixava do preço dos gelados da Olá e também já tinha reparado. Um destes domingos, fui com o meu pai dar uma volta à beira mar e comemos um gelado. Comi o novo Magnum de framboesa e limão e é muito bom. Já o preço  2.20  € por um gelado achei caro.

Já que falamos em gelados, comprei um de banana e chocolate no Lidl e também aprovei (quase o mesmo valor que UM Magnum).

 

- Rock in Rio

Este fim de semana, as redes sociais inundaram-se de fotos e vídeos pelo Rock in Rio. No LinkedIn, parece que as marcas todas apostaram em ter lá a sua barraquinha. Só fui uma vez a um concerto, ao Marés Vivas. Achei um pouco de confusão a mais para o meu registo, fazendo confusão as pessoas com os telemóveis a retirar a vista aos outros.

 

- Espinho

Este fim de semana, a cidade esteve na televisão. Tive curiosidade em ver o Terra Nossa. Qualquer critério na escolha dos participantes seria alvo de crítica. Já tinham comentado com o meu pai que andavam à procura dos "cromos" da cidade e assim foi.  Se a isto somarmos, a polémica de atribuição de bilhetes para esse espetáculo. 200 lugares para convidados e apenas 86 para o público (sendo que cada pessoa podia levar  2). Não anunciaram que eram só 43, levando muita gente a esperar horas na fila para ir para casa de mãos a abanar. Às vezes menos é mais.

 

- Preço do BioRace

Continuando a falar de preços, foi com choque que vi o post em que o BioRace em Estarreja, uma prova amadora de obstáculos naturais na ria de Aveiro e  pela Câmara Municipal de Estarreja, com milhares de participantes, custa 22 Euros na primeira fase. Em 2019, paguei 12 euros e já estava acima da média. No espaço de 5 anos, a entidade pública aumentou quase para o dobro o preço e deixou de disponibilizar os balneários do Pavilhão de Salreu para banhos, obrigando as pessoas a tomá-lo em contentores móveis. Estava atento porque iria sugerir ir com alguns colegas de trabalho. Ao ver o valor, é claro que desisti logo!

 

- MBWay

Lembrei-me através de um post da Claudia de ir ver o saldo que tinha no "Challenge" da aplicação e não é que já deu para levantar alguma coisa?! Vi também que a aplicação está diferente, permitindo agora colocar os cartões de fidelização de algumas marcas e supermercados, permitindo às nossas carteias andar mais leves. Aproveitei e adicionei o cartão de refeição.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:59

Leituras: Quatro desafios de escrita! do José da Xã

12.06.24

Capturar.PNG

Começo por agradecer a cortesia e simpatia do José da Xã em oferecer o seu livro Quatro desafios de escrita!

 

Um livro de leitura rápida, com quatro desafios muito criativos, bem escritos e com a particularidade: os nomes pouco comuns das personagens.

Retive uma delas: o Elizário. Como diz a Isabel Silva na contracapa, fica a curiosidade para saber mais da história deste homem, com um percurso de vida muito curioso ligado à migração dos anos 50 e 60 e do subdesenvolvimento das ilhas nessa altura. É uma personagem muito rica, original e pouco comum na escrita portuguesa. Fica uma sugestão ao nosso amigo para futuros desafios. 

 

O quarto capítulo do livro consiste em contar histórias de duas páginas com base em nomes de quadros famosos na pintura mundial. Mais uma vez, o José traz-nos a sua inteligência e boas narrativas acessíveis para qualquer idade.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 16:09

Dos últimos meses

09.06.24

436430412_18095117122424205_7094584362058451057_n.

O Verão está aí à porta. Este é o mês dos santos populares, dos feriados e o início das tasquinhas. Sendo ano par, ainda vamos ter o futebol.

Talvez a minha vida seja muito calma, mas não tenho tido grandes motivos para escrever como fazia dantes. 

 

Em Dezembro de 23, recomecei a correr. Pouquinho de cada vez para não abusar e alongar bem no fim. Verdade seja escrita, não tenho tido nenhuma dor. Se no passado, ainda participava nalgumas corridas, agora deixei-me disso. Um ou outro trail mais específico com preços decentes, porque gosto do conceito. Já corridas de estrada, só em treino e em grupo. Já dei para esse peditório antes do covid.

 

Este ano, a nível de trabalho, tive que viajar mais, algo que eu gosto. Só em 2022 viajei pela primeira vez de avião em trabalho (mas para o nosso governo, tendo 35 anos, já sou velho). Houve algumas coisas que descobri sobre mim mesmo nestas experiências.

A primeira é que viajar de avião de forma consecutiva é cansativo. Perdem-se muitas horas nos transfers de para os aeroportos, check-ins, mais malas, mais o tempo de voo e as saudades da família. Não é qualquer pessoa que tem essa capacidade física e até emocional para andar sempre a saltar de um lado para o outro. Será uma questão de hábito?

A segunda é positiva - gosto  de conhecer novas cidades, pessoas e os pratos locais, mesmo sem ser em turismo

A terceira é ter confiança para conduzir num país diferente. Não me sinto confortável a ter de levar o carro e tratar de aluguel em situações desconhecidas.

Com este intensificar de viagens, também passei a ir e vir de casa para o aeroporto pela plataforma de Uber. Nas viagens que fiz, apenas por uma vez apanhei um motorista português. Foram sempre brasileiros, simpáticos, rápidos e corretos no trabalho. Também nunca tive problemas de faturação com a plataforma.

De resto, aqui por casa estamos a viver uma situação nova com a minha avó, mas escreverei sobre isso mais tarde.

442512935_18095168356424205_3573358858582697880_n.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:22

Os egos

01.06.24

Não ligo muito a futebol, mas não deixo de acompanhar o mesmo.

Ontem, surpreendeu-me ver as tricas na substituição de treinador no FC Porto e o impacto que os egos podem trazer a uma empresa ou um clube.

Claramente é um caso de egos, ressabianço e mesquinhez. "Não quero ficar, nem quero que os outros ficam". Típico que de quem se acha a última bolacha do pacote e se acha mais que os outros. Aliás falar de traição, quando se assina um contrato dois dias antes de umas eleições, tomando partido de um candidatos e  procurando condicionar as mesmas, é muito coerente...

 

Já não bastava a André Villas Boas ter os Super Dragões a condicionar, Pinto da Costa agarrado ao poder, como agora tem um treinador, que promoveu o seu próprio filho ao plantel principal, a condicionar o futuro da equipa.

Quem perde nisto tudo, é o FC Porto. Espero que André Villas Boas tem pulso firme e que defenda o clube.

Que Pinto da Costa, o clã Madureira e o clã Conceição deixem o clube em paz e seguir o seu caminho.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:19


Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog

Arquivo

  1. 2024
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2023
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2022
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2021
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2020
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2019
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2018
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2017
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2016
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2015
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.