Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Ansiedade

28.08.21

IMG_20210606_090058.jpg

Nestes últimos dias tenho continuado às voltas com um recrutamento para a minha equipa no trabalho. Desta vez aprovaram um estágio para recém licenciado/mestrado.

 

Costumo fazer a pergunta clichê dos pontos fortes e de melhoria. Tendo em conta que estava a perguntar a miúdos de 21/ 22 anos (da geração 2000 ) estava curioso para saber.

Em 4 entrevistas, 4 respostas iguais no ponto de melhoria: a ansiedade.

 

É curioso porque mais jovens não deveriam estar tão preocupados nem pressionados.

Não sei se é geracional, se é de terem apanhado a pandemia na licenciatura ou se é resposta que o gabinetes de apoio ao aluno/sites de dicas de entrevistas sugerem dar.

 

Têm contacto com miúdos destas idade?

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 18:56


27 comentários

Imagem de perfil

De Alice Alfazema a 28.08.2021 às 20:11

Eu penso que por serem mais francos não têm medo de assumir as suas fraquezas. O que não falta por aí é gente ansiosa muito bem disfarçada e que apesar de tudo consegue ultrapassar isso. Diga-se de passagem que não abona muito a favor o que sai constantemente nas noticias sobre os jovens, eles são apenas isso - jovens. podem confundir ansiedade com o medo do fracasso, devido a não terem experiência, hoje em dia tem-se muito pouca paciência para quem não tem experiência, basta ver o que é pretendido em certos anúncios de emprego.

Mas eles têm razão, no entanto não sabem que, se conseguirem ter experiência melhoram a ansiedade. Não é nada que uma pessoa com mais idade não saiba. Assim como quando saímos da nossa zona de conforto nos sentimos mais ansiosos e à medida que o tempo passa a sensação atenua-se. :-)
Imagem de perfil

De O ultimo fecha a porta a 29.08.2021 às 21:05

Obrigado pela perspetiva. Concordo e cabe-nos a nós enquanto chefias (e eu ainda me estou a adaptar a essa condição) - vá poderia utilizar uma palavra mais da moda - "coachs" ajudar esta malta a superar.
Imagem de perfil

De cheia a 28.08.2021 às 22:20

São tempos muito difíceis, até para os jovens!
Bom domingo!
Imagem de perfil

De O ultimo fecha a porta a 29.08.2021 às 21:00

Muitas pressões vindas de vários lados e como ajudar as pessoas a lidar com a ansiedade? Ou será a palavra da moda?
Imagem de perfil

De cheia a 29.08.2021 às 21:35

As duas coisas.
Imagem de perfil

De infp a 28.08.2021 às 23:17

Muito honestamente acho que a ansiedade generalizada que se sente é-nos bombardeada de todos os lados: (não) notícias, expectativas (principalmente neles), todas as projecções catastrofistas que se fazem do futuro e a responsabilidade que eles sentem pela salvação do mundo que por aí vem, redes sociais... A ansiedade é uma coisa perfeitamente normal, ainda mais nos tempos que se vivem. É uma forma de mostrar vulnerabilidade (há mais abertura para a aceitar hoje em dia) mas não ser tida como algo grave. Além disso, ainda agora a década começou, e já percebemos que vai ser agitada de um ponto de vista social.
Isto deu-me assunto para conversar toda a noite com os meus botões
Imagem de perfil

De O ultimo fecha a porta a 29.08.2021 às 20:51

eheheh diria que é daqueles temas que nos faz refletir de tal forma que o partilhei aqui tbm para perceber como poderei ajudar. é verdade, há muita pressão, medo de falhar, de não corresponder às expetativas.
Imagem de perfil

De Di a 29.08.2021 às 08:56

Tenho contato sim, e infelizmente essa é uma realidade.
Julgo que sinais dos tempos.
Beijinhos
Imagem de perfil

De O ultimo fecha a porta a 29.08.2021 às 20:47

Parece que sim. Palavra da moda? preocupa-me até tendo em conta como posso ajudar as pessoas!
Imagem de perfil

De Di a 29.08.2021 às 21:37

Saber ouvir, ouvir, e não julgar.
Imagem de perfil

De imsilva a 29.08.2021 às 10:15

O que eu tenho notado é que toda a gente, de várias faixas etárias, está a sofrer de ansiedade, o que não seria grave se não se transformassem em ataques que a agigantam.
Nos jovens que estão a começar o seu tempo de gente grande, acho natural, mas talvez se esteja a dar demasiado ênfase à palavra, a começar por eles próprios.
Bom domingo.
Imagem de perfil

De O ultimo fecha a porta a 29.08.2021 às 20:42

Nesta fase da vida ainda se conhecem mal e acredito que tb não saibam bem o que responder. Entra tbm aqui o papel de nós enquanto chefias ajudá-los. E eu ainda me estou a adaptar a esta posição que não é tão fácil como pensaria. Ganhamos mais, mas tbm temos que lidar com muita coisa nova e gerir um barco com situações que nem sempre sei lidar.
Imagem de perfil

De Luísa de Sousa a 29.08.2021 às 15:56

Acredito que este é um momento de muita ansiedade, para todos, e muito mais para os jovens recém licenciados à procura do 1º emprego. A pressão e a vontade é enorme para terem independência financeira aliada à grande procura e pouca oferta de emprego.

Beijinhos
Feliz Domingo
Imagem de perfil

De O ultimo fecha a porta a 29.08.2021 às 18:32

Pode ser mesmo isso, aliado a algum receio do "e se corre mal?". Obrigado pela opinião e abertura do pensamento.
Imagem de perfil

De Daniela a 29.08.2021 às 16:44

Sem dúvida que é a ansiedade.
Há 8 anos para mim também o era..agora já melhorou, mas não posso imaginar agora com isto da pandemia como está a geração atual.

No inicio todos esperam que sejamos bons, e isso é muito cansativo para qualquer jovem..o medo do fracasso.
O mundo está a fazer cada vez mais "humanos doentes" e quem não souber lidar com isso, não vive.

Excelente partilha.
Beijinho
Imagem de perfil

De O ultimo fecha a porta a 29.08.2021 às 18:30

Uma boa perspetiva: "medo do fracasso". A vantagem dos blogs é esta abertura de pensamento.
Sem imagem de perfil

De Pedro Coimbra a 30.08.2021 às 02:49

Infelizmente o crescimento exponencial da ansiedade entre os mais jovens está há muito diagnosticado.
Boa semana
Sem imagem de perfil

De Claudia a 30.08.2021 às 12:28

A minha irmã apenas, com 24. É igual ou pior a mim, em termos de ansiedade.

Beijocas
Imagem de perfil

De Andy Bloig a 30.08.2021 às 15:48

Afinal sabias a origem.
A maioria dos que acabam ou estão a acabar a universidade, tem uma das cadeiras ligadas à sociologia ou quando estão a desenvolver as teses para final de licenciatura.
Dos vários pontos, há 2 que são muito simples de explicar e que é, quase, impossível ficar perdido: Ansiedade e Oportunidade.
No caso da oportunidade, já deves ter ouvido na questão do "Porque acha que tem perfil para o cargo?" É uma resposta simples e que evita mais questões.
A ansiedade é um defeito que é fácil de justificar e de ocultar os outros, que também dá para usar no trabalho em grupo para um mesmo objectivo.
Até naquelas sessões para pessoas mais velhas, sobre como passar numa entrevista de emprego, essas expressões são referidas.
Pouco a pouco tem-se tornado norma que as respostas sejam padronizadas, pois as questões também o são.
Imagem de perfil

De O ultimo fecha a porta a 30.08.2021 às 21:32

Faz todo o sentido. Achei curiosa a una unanimidade da resposta.

Comentar post


Pág. 1/2



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog

Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2018
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2017
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2016
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2015
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.