Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Apontamentos - 27 de Fevereiro

27.02.21

IMG_20180821_162314.jpg

 

Pior que errar, é nãoa prender com os erros...

- Este governo continua com os problemas de comunicação aos seus cidadãos. 

Um Primeiro Ministro e um líder da Oposição (que não mede o que escreve) se refugiam no Twitter e uma Ministra anuncia o princípio e modo do desconfinamento num... Forúm da Juventude Socialista.

 

- Os Açores devem ser mesmo um arquipélago pequena. Afinal parece que as teias de relações familiares também existem em grande dimensão no governo de direita. Para um partido radical que dizia que ia "acabar com os tachos", está  afazer o oposto do que prometeu aos eleitores. Rui Rio deve achar normal (pelo Twitter)...

 

- Quando li nas redes sociais achei que era "fake": um hospital privado em Valongo recusou tratar uma pessoa que caiu nas suas próprias instalações, devido ao arranque repentino das escadas rolantes. Depois de ler a notícia do JN, foi importante saber qual a justificação do Hospital Trofa Saúde.

Apenas passados 3 dias e justificações sem sentido ético e irresponsáveis. 

Ou seja, uma acusação insólita e de egoísmo capitalista não teve nenhuma reação por parte do hospital privado. Nem ao jornal nem sequer no seu Facebook. Um absoluto silêncio. Nem um pedido de desculpa. Pior que errar, é não assumir nem remediar.

Nem quero ser precipitado, mas com a informação que temos, parece ser um caso revelador da maldade de quem dirige o hospital e sobretudo de quem não quer assumir as suas responsabilidades. O que fará ERS? Assobiar para o lado? E o seguro das escadas rolantes? Haverá impunidade onde cada um faz o que quer?

 

- Imaginarium fecha portas e não paga salários

Descontinuar a atividade comercial num país é legítimo, mas mentir aos funcionários e não honrar os seus compromissos legais já é ilegal. Os problemas já vinham de trás e o COVID foi a machadada final na empresa. Não havendo dinheiro, pouco há  a fazer. Resta a esperança de obter alguma coisa da massa insolvente.

E atenção que o setor dos brinquedos foi um dos que beneficiou com o confinamento. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:51


10 comentários

Imagem de perfil

De Daniela a 27.02.2021 às 18:15

Só notícias que nos fazem deixar de acreditar neste país vergonhoso que temos.
Imagem de perfil

De O ultimo fecha a porta a 27.02.2021 às 21:30

Umas situações piores que outras :/
Imagem de perfil

De CHOC a 27.02.2021 às 23:40

Este governo tenta passar pelos pingos da chuva que é esta pandemia. Como não tem oposição segue até um dia as asneiras aparecerrem ao público
Imagem de perfil

De O ultimo fecha a porta a 28.02.2021 às 19:52

E vai passando, sendo pouco escrutinada. Qto ao (não) papel da oposição estamos de acordo o que não é positivo para a nossa democracia. :(
Imagem de perfil

De CHOC a 01.03.2021 às 19:11

Triste realidade...
Sem imagem de perfil

De Pedro Coimbra a 01.03.2021 às 02:19

O nepotismo atravessa todos os partidos.
Infelizmente essa é a grande e triste realidade.
Aquele abraço, boa semana
Sem imagem de perfil

De Cláudia a 01.03.2021 às 15:27

Já trabalhei num grupo de hospitais privados e esquece, querem todos o mesmo e é tudo politiquices.
O próprio hospital tem que ter seguro, que é isto?

O resto nem comento, porque só me stresso.

Beijocas
Imagem de perfil

De Maria Araújo a 04.03.2021 às 19:24

Soube dessa do hospital e, ao que parece, a senhora não tem seguro, mandaram-na para o hospital público.
E o dever deles era tratar a senhora, e sem custos, porque aconteceu nas suas instalações.
Hospitais privados são uma mina neste país.
Imagem de perfil

De O ultimo fecha a porta a 07.03.2021 às 19:02

Parece uma atitude sem grandes escrúpulos com muita arrogância e ganância à mistura, mesmo depois de se ouvir as duas partes.
Imagem de perfil

De José da Xã a 06.03.2021 às 20:43

Neste país a culpa morre sempre solteira... Sempre!

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.