Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Confundir (anti)racismo com anarquia

13.06.20

O confinamento parece ter feito mal a algumas pessoas. Parece que perderam o juízo.

Até uma petição já criaram para destruir o Monumento dos Descobrimentos!

Se não têm mais nada para fazer, há sites muito mais interessantes na internet para passar o tempo e não é 1 de Abril.

 

De repente, algumas pessoas assumiram as dores dos americanos e resolveram invocar o racismo em Portugal. Tal não significa que não deva ser discutido e acho que é na educação e na integração que se combate, mas ver gostava de ver tanto empenho como noutras causas bem mais graves em Portugal.

 

Para uns fica bem vir para as redes sociais publicitar a presença em manifestações, mesmo que pondo em causa a saúde pública. Para outros, lançar uns tweets pode render likes (como alguns deputados de BE).

Outros aproveitam-se desta discussão para manifestar o seu ódio, para dizer/escrever os maiores disparates e para vandalizar estátuas e monumentos.

estatua.jpeg

Pode-se discutir e discordar dos temas, mas não se pode apagar e desrespeitar a história. Muito menos cometer crimes e destruir tudo à volta!

 

Quando se entra no campo da anarquia, da imposição de uma ideia ou ideal entra-se num extremo. Quando assim, é tem de ser combatido, seja ele de extrema direita, extrema esquerda, seja de anarquismo, seja de vandalismo.

 

Nos últimos dias, tenho ficado triste com o que vejo e quem achava que íamos ficar melhor neste pós pandemia, as primeiras semanas demonstram o contrário.

 

A propósito, muito se tem falado da polícia. Ainda não percebi se são exageros do Sindicato da Polícia (que é que me parece), que agora têm voz ativa num deputado, ou se efetivamente há mais desrespeito pela força policial. Ainda assim, manda o bom senso não falar sem ouvir e não dar ouvidos a extremistas!

 

Sobre a ocupação ilegal de um edificio privado em Lisboa, não percebi honestamente a indignação e muito menos o ataque à polícia.

Será que se fosse a casa deles a ser ocupada ilegalmente o que faziam? Ah, fica bem ser anárquico e rende likes nas redes sociais.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:52


23 comentários

Imagem de perfil

De cheia a 13.06.2020 às 18:31

Tens toda a razão! Parece que os likes valem mais que o bom senso. Podemos e devemos discutir a escravatura e o racismo, mas não podemos destruir os símbolos, que , mais que não seja, servem para falarmos do assunto, na sua presença. Não custa nada fazer petições a convidar à destruição, para aparecer nas redes sociais. Mais difícil é contribuir, para que haja menos desigualdades.

Bom fim-de-semana
Imagem de perfil

De O ultimo fecha a porta a 13.06.2020 às 18:42

Parece que o confinamento avariou alguns cerebros.
Imagem de perfil

De Maria Araújo a 13.06.2020 às 19:10

"Nos últimos dias, tenho ficado triste com o que vejo e quem achava que íamos ficar melhor neste pós pandemia, as primeiras semanas demonstram o contrário."

Uma tristeza.
Será que esta gente quer afirmar-se,usando os mesmo e cruéis actos, com o que fazem lá fora,no caso o que aconteceu nos EUA, nós que somos um povo de brandos costumes, de serenidade,de "alguma" paz?
Devíamos ,sim,ser um exemplo.
Julgávamos que a pandemia ia serenar as mentes e os corações dos homens...tão errados que estamos.
Gostaria de acreditar que "tudo vai ficar bem", mas a esperança não é muita.
Bomfim-de-semana.
Imagem de perfil

De O ultimo fecha a porta a 14.06.2020 às 19:45

Acho que viemos, enquanto sociedade, piores deste confinamento. Mais radicais, mais extremos, com as emoções à flor da pele e sem racionalismo.
Quero ver se sobre a o idoso barbaramente agredido pelo filho tbm vai haver manifs...
Imagem de perfil

De Nala a 13.06.2020 às 19:56

Temos muito a agradecer também há comunicação social por muito do sensacionalismo que se vê. E depois é ver jovens, que nem conseguem dizer um obrigado aos pais pelo que têm, mas que acusam a classe média de ser uma privilegiada...

Apagar a história ou ter a arrogância de julgar os outros sem conhecer a sua realidade é incrivelmente estúpido e o pior é que está acompanhado pela certeza de que já vimos mais Mundo do que todos os outros.

Há dias em que me apetecia tornar-me "hippie" e ir viver numa quinta longe de tudo e de todos... e ultimamente esses dias têm sido bastante frequentes.
Imagem de perfil

De O ultimo fecha a porta a 14.06.2020 às 19:29

A maioria destes insolentes nem deve saber o que está a dizer, mas é cool e trendy caçar uns likes à custa disto e estragar o património. Acredito que não saibam o que está em causa e vão atrás da onda. Muitos deputados patrocinam estas atitudes e aí ainda é pior pq estes têm responsabilidades acrescidas.
O COVID fez mal a alguns cérebros.
Ah, sobre o idoso agredido brutalmente pelo filho ontem, ng se revolta nem sai em manifs.
Sem imagem de perfil

De redonda a 14.06.2020 às 00:16

Pena que o confinamento não tenha trazido mais boa vontade. Talvez quando o Covid passar...
Imagem de perfil

De O ultimo fecha a porta a 14.06.2020 às 19:26

Receio que ainda fique pior :/
Imagem de perfil

De MJP a 14.06.2020 às 11:49

Partilho da tua opinião!
(é muito triste e lamentável assistir a este tipo de comportamentos... que vem reforçar a ideia, que tenho, de que "as crises", apenas, servem para "refinar" a essência de cada um...)
Fica Bem!
Imagem de perfil

De O ultimo fecha a porta a 14.06.2020 às 19:25

As pessoas saíram avariadas desta crise, só pode.
Hoje sobre o idoso agredido ou sobre o cão espancado pelo dono, não houve manifestações... Não percebo o que se passa em Portugal. Estão a ser tirados (maus) esqueletos do armário...
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 14.06.2020 às 18:42

Plenamente de acordo!
Imagem de perfil

De Maria a 14.06.2020 às 18:48

Uma tristeza. Querem apagar a história. Julgar os factos sem os contextualizar.
Chamaram bárbaros aos talibans qdo drstruiram monumentos pré islamicos . Agora o ocidente vai pelo mm caminho. Enfim...
.
Imagem de perfil

De O ultimo fecha a porta a 14.06.2020 às 19:21

Já li sobre essa comparação e vamos pelo mesmo caminho. O confinamento avariou alguns miolos. E estas atitudes insolentes, vêm reforçar o discurso exagerado e alarmistas dos extremos. O AV farta-se de dar no Twitter.
Imagem de perfil

De Luísa de Sousa a 14.06.2020 às 19:44

Que tristeza!!!
Partilho da tua opinião

Beijinhos
Uma Boa Semana
Imagem de perfil

De O ultimo fecha a porta a 14.06.2020 às 19:46

Boa semana Luísa!
Sem imagem de perfil

De Cláudia a 14.06.2020 às 20:08

A sério? Uma petição para mandar a baixo os descobrimentos? Oh que tristeza.

Anda tudo louco, anda. As pessoas não estão a ficar com as dores dos EUA, apenas é para ficarem bem.

E acho que sim, que cada vez há menos respeito pela polícia. Só os vídeos que já vi....

Beijocas
Sem imagem de perfil

De C.C. a 14.06.2020 às 20:12

Não sei mesmo o que te dizer sobre isto!
É o anti-civismo que não tolero...
Encontrados os culpados, eles viam a pena que levariam em cima!
Fico irritado com isto...
Visto o novo caso de "racismo" no EUA? Foi em demasia a atuação da polícia?
Sempre aprendi, os agentes de autoridade são para ser respeitados...não para desobedecermos às ordens que os próprios nos dão! Não sei até que ponto atirar a matar, foi em demasia...
Grande abraço.

Comentar post


Pág. 1/2



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.