Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Conversas de rua

06.04.22

IMG_20190331_112944.jpg

Há largos meses para cá que vou a pé ao ginásio, pois fica perto de casa. Na 5ª feira, no regresso, dei a ouvir uma conversa de uma senhora ao telefone. Qualquer coisa como isto:

 

- Tu és agressivo para mim de manhã... Tu empurras-me ... Não quero outro homem assim na minha vida, já bastou o outro ... Tu de manhã és a-g-r-e-s-s-i-v-o.

 

Segui caminho. Quando achamos que a nossa vida está má, há realidades piores. A violência doméstica tem de ser erradicada. Apesar dos péssimos exemplos que alguns juízes e juízas dão e promovem,  ela tem de ser erradicada. Por falar nisso, já tinha alertado o JB no Sardinhas - os relatos de tráfico de mulheres e jovens na Ucrânia para fins sexuais e lenocínio iriam chegar muito mais breve do que aquilo que pensamos. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:46


17 comentários

Imagem de perfil

De Sofia a 06.04.2022 às 15:18

Espero bem que essa mulher largue esse homem, antes que seja tarde demais...
Imagem de perfil

De Maribel Maia a 06.04.2022 às 15:23

Realidades que são urgentes transformar...
Beijinhos
Imagem de perfil

De O ultimo fecha a porta a 16.04.2022 às 20:07

Noto cada vez mais frequentes. As pessoas andam mais nervosas e receosas.
Imagem de perfil

De Maria Araújo a 06.04.2022 às 20:22


Ao que parece, voltou a aumentar o número de queixas na APAV
Imagem de perfil

De O ultimo fecha a porta a 16.04.2022 às 20:06

Um flagelo sem fim à vista. E não sei se não estará cada vez pior. Depois do coovid, a guerra a pôr as pessoas nervosas.
Imagem de perfil

De Maria Araújo a 16.04.2022 às 22:34

Nervosas e com medo.
Uma Santa Páscoa.
Sem imagem de perfil

De Pedro Coimbra a 07.04.2022 às 03:17

Incompreensível em pleno século XXI.
Imagem de perfil

De Luísa de Sousa a 07.04.2022 às 11:42

Ainda existe muita violência doméstica!

Beijinhos
Feliz Dia
Imagem de perfil

De O ultimo fecha a porta a 16.04.2022 às 19:58

Demasiada e sem tendência para diminuir.
Sem imagem de perfil

De Ricardo Santos a 11.04.2022 às 18:29

Alguém de cima tem de passar à prática e resolver problemas graves. Irrita-me estar sempre a ouvir notícias sobre desgraças. Não falo do que li agora aqui, nem dos blogues que leio e falam sobre isso, mas costumo dizer que nos meios de comunicação tudo não passa de "palavras", de resto fica tudo na mesma. É negócio para audiências.
Sem imagem de perfil

De Claudia a 12.04.2022 às 12:35

Bem, realmente...
Mas infelizmente existe um padrão. Parece que é difícil quebrar isso :(

Beijocas
Imagem de perfil

De José da Xã a 13.04.2022 às 07:16

Último,

a violência doméstica é de ambos os ambos. Se a de alguns homens sobre as mulheres será mais do foro físico, das mulheres sobre os homens é da área mental ou psicológica, Convém não esquecer!.
E raramente vemos queixas disso!
Imagem de perfil

De O ultimo fecha a porta a 16.04.2022 às 19:48

Sem dúvida, violência contra idosos, crianças, animais de estimação ...
Imagem de perfil

De João Silva a 15.04.2022 às 05:37

Um simples facto de se andar nas ruas permite confrontar-nos com realidades muito tristes. E sim, há sempre realidades mais duras do que as nossas, mas, honestamente, por muito que digamos que percebemos, só quando sentimos isto ou aquilo na pele é que conseguimos ter uma real perceção do problema. Boa Páscoa
Imagem de perfil

De O ultimo fecha a porta a 16.04.2022 às 19:43

Boa Páscoa amigo!
Imagem de perfil

De Daniela a 20.04.2022 às 16:25

Infelizmente ainda não se faz muita coisa para terminar com este horror.
A justiça que devia ajudar estes casos não o faz. Dizem nunca poder fazer nada, depois existe a morte, a desgraça..

Outro cenário que estamos a assistir, sim, o da Ucrânia..como é possível!
Imagem de perfil

De O ultimo fecha a porta a 23.04.2022 às 19:10

é a maldade e ódio humano a falar mais alto.

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog

Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2018
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2017
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2016
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2015
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.