Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Uma mensagem simpática

06.02.21

145425130_1729865787218690_5977232945157100095_o.j

No Instagram fui surpreendido por esta mensagem do grupo de corrida amador com quem costumava correr antes da pandemia. Desde o Verão que continuo (ou continuava até ao mês passado) com algumas pessoas que conheci aqui.

Nestas alturas em que estamos mais tristes, apreensivos e até solitários, sabe muito bem receber estas mensagens.

Quem a escreveu não sabe quem é a identidade que está detrás da página (ou melhor, quase ninguém sabe), mas mesmo assim não hesitou em partilhar boa energia 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:13

As aparências e os fundos usados pelos comentadores de TV (II)

13.01.21

fundos tv.PNG

Vou voltar a escrever sobre isto.

 

Que mania irritante e vaidosa de algumas personalidades fazerem questão de colocar os seus livros nos fundos do comentário televisivo!

Ninguém vai ser melhor comentador ou manter a avença por ter uma biblioteca atrás!

Por falar em avenças, Susana Peralta já acumula noticiários com programas temáticos. Já Sebastião Bugalho foi "promovido" ao Expresso da Meia Noite e a cronista do DN.

 

Na semana passada vi um deputado do PS que nem conheço a comentar um debate na TVI24 e o Ribeiro Cristóvão na SICN com os seus livrinhos de fundo. Não há paciência.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:24

Roteiro de 2020

31.12.20

2020 foi o ano de muitos desafios.

Porém, no último dia do ano estive a entreter-me no Instagram publicando fotos de alguns sítios, em Portugal, por onde passei. É uma espécie de roteiro de quem procura ver o copo meio cheio de uma das coisas que gosta de fazer: viajar.

Aqui fica o roteiro com legendas:

Todas estas fotos foram partilhadas ao longo do no tag "Turistar" - https://oultimofechaaporta.blogs.sapo.pt/tag/turistar

 

Renovo os votos da última imagem: Que 2021 seja um ano de muita saúde , prosperidade e energia positiva! 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:07

As aparências e os fundos usados pelos comentadores de TV

11.12.20

Regressou o confinamento e regressou o campeonato ridículo, bem à moda portuguesa, de ver quem e quais são os livros que os comentadores colocam de fundo nos comentários televisivos.

Este desfile de vaidades, repito, é ridículo. 

 

Não deve ter sido André Ventura quem teve que "corrigir" esse pormenor, alguém acredita que a escolha não é verificada pelos intervenientes. Um elogio público, mais uma vez, a Manuela Ferreira Leite que foi das poucas em no 2º trimestre dispensou este disparate.

Agora, já dá para editar o fundo e escolher um figurativo ou até ocultar o nosso fundo real. Na minha empresa usamos o Microsoft Teams e é muito simples de mudar.

Vi que a economista Susana Peralta já ocultou o fundo do seu escritório. E Susana Peralta deve ser a campeã dos honorários televisivos porque ele está em todas as estações!!! Enfim ...

Aqui ficam os tutoriais.

ZOOM

zoom.PNG

TEAMS

teams.PNG

Simples, não? 

Por isso, sugiro aos comentadores ganharem juízo e deixar as aparências!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:42

Sobre a manifestação dos restaurantes do Porto

14.11.20

Ontem estava a vi uma reportagem da manifestação dos restaurantes no Porto e vi uma pessoa muito exaltada na linha da frente sem máscara. Dei por mim a pensar, será que eram só restaurantes na manifestação?

 

Ou haveria lá anarquistas e negacionistas infiltrados a descredibilizar a manif?

 

Continuo a apoiar a causa dos restaurantes. Não faz sentido um Pingo Doce e um Continente Bom Dia poderem servir refeições e os restaurantes não. Mas discordo totalmente de violência e muito menos anarquistas inconscientes que se aproveitam destes momentos para atacar polícia e lançar confusão.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:09

Breves do Último - 12 Nov

12.11.20

IMG_20200510_104805.jpg

 

- O grupo Global Notícias promoveu três mulheres a cargos de diretora de três jornais: Inês Cardoso no JN, Rosália Amorim no DN e Joana Petiz no Dinheiro Vivo. As três vão acompanhar Graça Franco (Renascença) nesta travessia do deserto.

O facto de haver um investidor português ligado à indústria também é bom para: i) o pluralismo e ii) o futuro da imprensa.

Mais ainda trazer também a direção da TSF para o Porto (e manter o JN por cá).

 

- Na 3ª feira mais uma reportagem na SIC sobre a atrocidade que existem nalguns lares portugueses (no caso era ilegal). O facto de aparecem estas reportagens e denúncias em horário nobre é um avanço, mas querem-se consequências práticas para os culpados. Tratam-se de verdadeiros atentados aos direitos humanos.

 

- Rui Rio parece possuído pelo vírus. Primeiro os Açores, o Chega e os tweets infantis de quem não percebe a gravidade do que está a fazer. Hoje o silêncio em torno das medidas contraditórias sobre o comércio. Não é isso que se espera da oposição.

 

- O take away. É absurdo proibir um restaurante de servir refeições nas suas instalações e permitir que um hipermercado o faça a partir das 13h. A restauração tem razão nas queixas de desigualdade que faz perante medidas de um Governo desorientado. Não é fácil decidir, mas há que corrigir os erros.

 

- Sobre a intenção do Pingo Doce querer abrir às 06h30m e não querer pagar as horas extras aos funcionários é bem revelador do espírito ganancioso do Grupo. A parte do abrir cedo não me choca. As razões são razoáveis. Agora pagar com banco de horas não está correcto. Muito menos ao domingo e em tempos que todos temos que fazer sacrificios. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:54

Destes dias - 19 de Setembro

19.09.20

IMG_20200101_115228.jpg

Enquanto penso no que escrever, lembro-me deste dia: 1 de Janeiro de 2020. Primeiro banho do ano. 

Se nesta data, imaginamos o que iríamos passar o que passamos e que iremos passar...

Será que este banho trouxe um ano abençoado, dentro do possível, a estes corajosos?

 

Enquanto adaptamos o nosso quotidiano ao aumentos dos infetados com o vírus, assistimos a novas desenvolvimentos da Operação Lex, mostrando o carácter de alguns juízes e dirigentes desportivos. Precisamente os mesmos a quem António Costa, primeiro ministro em funções, manifestou apoio e que são suspeitos de corrupção e manipulação sobre juízes.

O presidente da República parece que "obrigou" Luís Filipe Vieira a criar alguma decência nas suas listas. Independentemente de cores, seria bastante útil, ético e desejável, legislar sobre esta segregação. Está mais que visto que há pouca vontade e sobretudo interesse, mas tem de ser.

 

Mudando de tema, voltou a chuva. 

O Outono está aí.

As folhas vão começar a cair, a escurecer mais cedo e o regresso a uma rotina que forçadamente perdemos. Regressou também o trânsito (honestamente já não sei se é mau...)

Vem também uma enorme incógnita e já se falam dos planos para o Natal. Daqui a 3 meses é que vai ser o GRANDE desafio. Jantares de Natal proibidos, shoppings com muitas limitações, muitas quebras na faturação, empregos temporários inexistentes, muita solidão, famílias afastados com restrições de circulação... Vai ser diferente e espero que se comece a pensar nisso...

 

Do meu hobbie, a horta, depois da colheita, na semana passada transplantei uns pés de couve galega que tinham nascida já da sementeira de 2020 que colhi em Junho! Esta chuvinha veio mesmo a calhar. Entretanto, os meus amigos predadores caracóis, devem estar a aparecer ...

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:31

Breves do Último: 1 de Setembro

01.09.20

Duas notícias deixaram-nos com o cabelo em pé hoje

[não estou a falar da Cristina Ferreira - há coisas gravíssimas a acontecer].

chave.jpg

Uma relativa o Novo Banco/BES. Uma auditoria divulgada demonstrou as perdas de milhares de milhões de euros, com os contribuintes a pagarem. A maioria das perdas são empréstimos não pagas/sem garantias. Divulgada a auditoria, tem de se apurar responsáveis e punições à altura. Há muito medo em tocar no poder e quando se toca, ataca-se o juíz.

 

A outra é relativa ao COVID.

- Festa do Avante: é inacreditável ser o próprio comércio e população circundante do espaço a querer sair das próprias casas com medo do perigo de contágio do evento. Continuo a achar uma loucura a festa este ano. Uma loucura do PCP que a organiza e de quem lá vai estar.

- Repararam na reação de Catarina Martins ao Avante?

Vejam e reparem. Se fosse um partido de direita, caía o carmo e a trindade. Como é o PCP, reclama da insistência no tema e diz que há coisas mais importantes... além do BES, há o quê? Para mim, esta atitude tem um nome ...

- Sobre os lares já tinha falado que deve haver muito mais mortes escondidas do que as relatadas. Hoje, soube-se que o lar "premium" do Montepio tentou ocultar/não divulgar os casos na sua instituição. Os doentes já tinham outras debilidades de saúde. Alguém tem dúvidas que deve haver tantos e tantos outros lares a abafar/esconder as suas falhas, seja por questões de reputação ou medo de punições?

Porém, em Reguengos, onde o presidente da Câmara é o mesmo que lidera a Santa Casa, há acusações gravíssimas mas ... sem qualquer consequência.

 

Esta semana, uma colega que trabalha num banco comentava que os pedidos de crédito para ... férias tinha aumentado. Será que todos terão condições para pagar? Ou preferem viver das aparências? Ou estão à espera que seja o Estado a tapar o seu buraco já que exemplos não faltam?

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:29

Manif's

24.08.20

Havia quem esperava que viéssemos melhor do confinamento. Não viemos. Viemos bem piores.

Nas redes sociais, se na quarentena houve TikTok, nos últimos meses houve:

 

- rios de dinheiro para buracos como BES/Novo Banco e TAP com acusações de alienação de ativos ao desbarato. Tudo validado. Tudo aceitável. O português paga.

 

- os incêndios não deram tréguas mais uma vez. Os incendiários apanhados dão as mais variadas razões. Faltam punições exemplares. Morreram vários bombeiros.

 

- muitas manif's: umas com causas aceitáveis outras bem por isso. Os idosos que morreram em Reguengos de Monsaraz não tiveram direito a manif's. Vi a população muito empenhada (e bem!) com a causa animal, mas não com os maus tratos com os idosos. Para lá iremos todos.

 

- A dança de cadeiras na televisão. Muita novela e caracteres escritos, mas em que medida isso é relevante para a nossa vida?

 

- Racismo.

De repente todos acordamos para esta causa. Aquilo que vemos é exageros entre as posições e quando assim é ninguém tem razão. Confundem-se causas com violência, anarquismo e vandalismo. Um tema que gera likes e motivou muita gente da política, sindicatos e movimentos a marcar a sua posição. Gostaria que o vigor que há neste tema, houvesse noutros. Aliás, vi deputados portugueses mais empenhados nestes temas quando o tema era na América, do que com os escândalos que existem pelo nosso país.

Btw, será que todos os que postam e vão a manifestações fazem o que apregoam. Recordo-me de uma manif recente pelo clima que depois terminou com o recinto em Lisboa cheio de lixo e latas de refrigerante para outros limparem...

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:06

Perguntas sem resposta

19.07.20

Nestas últimas horas fiquei chocado com 5 coisas:

 

i) a carbonização de animais vivos num canil ilegal em Santo Tirso.

 

Não é nova a história do canil ilegal da Serra da Agrela, da alegada negligência e perseguição a quem ousa denunciar.

Sábado à noite deu-se uma tragédia e todos agora lavam as mãos. Espero honestamente que a vida daqueles desgraçados animais sirva para melhorar as leis, se evitem novos casos destes e haja culpados punidos para o que aconteceu. Todos falharam e devem ser punidos (não esquecer o incendiário).

110034053_10221382208777254_1583904172972467098_n.

 

ii) As acusações à gestão do CIVD no lar de Reguengos de Monsaraz

Já aqui critiquei a negligência que há nas regras e na fiscalização dos maus tratos a idosos.

Lê-se  que no lar da Santa Casa da Misericórdia de Reguengos:

"medidas tomadas em cima do joelho. Era tudo muito atabalhoado, havia 60 pessoas infetadas no primeiro andar do lar, com quase 40 graus lá fora e condições de climatização muito más.  Os circuitos de circulação foram implementados pelo pneumologista das forças armadas, faltava medicação que os doentes necessitavam não havia condições para dar assistência. Mais do que cuidados médicos, faltavam cuidados básicos." Acusações gravíssimas. Haverá punições? Serão levados os responsáveis à Justiça? 

Coitado de quem foi...

 

iii)  Idosa com Alzheimer mordida por ratazana no lar da SCM de Montargil

Mais um caso numa "Santa Casa" de negligência e maus tratos. Ratos a morder idosos? Numa Santa Casa?

A própria instituição confirma.

Ao que nós chegamos?

Haverá culpados na barra do tribunal?

 

iv) Acusação a Ricardo Salgado

A acusação é muito grave e choca pelo facto de movimentar tanto tráfico de influência nos mais altos cargos da nação e os milhões envolvidos. À justiça o seu trabalho, mas o sentimento de impunidade e de ser dono disto tudo e "faço o que quero" temd e acabar.

 

v) os incêndios voltaram

Que praga no nosso país!! Sempre os incêndios. Nada muda. Sempre os mesmos sítios e as mesmas suspeitas. 

Ainda bem que MRS teve a decência de aparecer no funeral do bombeiro morto de Miranda do Corvo.. Se Pedro Lima teve direito à sua presença e diretos nas tv's, este também teve.

O que também não muda são os acidentes nas cascatas do Gerês. Continuo sem perceber a ausência de proteção nas mesmas pelas autoridades competentes. Umas escadas ou corrimões resolveriam o problema.

 

Sobre a TAP, lá vão os milhões do nosso bolso. Na TV e futebol, também tempos movimentados (€€€) a alimentar os fait divers.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:34


Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.