Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Dos últimos dias

25.11.23

 

402877716_834888798642339_4526381470287882925_n.jp

Os últimos dias têm sido agitados: as mudanças políticas em Portugal, os candidatos a Primeiro Ministro, o vandalismo dos ativistas (ou anarquistas) climáticos e por fim o choque e trsiteza com a violência instalada na cidade do Porto devido às eleições no clube.

A educação e saúde vão degradando-se, ficando o interesse dos alunos e professores postos no fim da lista. Quem está doente, ou tem dinheiro para ir ao privado ou liga para a Saúde 24 e fica como está.

Os preços dos combustíveis começam a aliviar e esta semana tivemos/temos o black friday.

 

Não costumo comprar nada e ontem só me apercebi da data pelos SMS que recebi. Com as redes sociais, Facebook Mensager e whatsapp, é cada vez mais raro usar esse serviço. Acho que só uso as SMS para receber publicidade... Não ando a namorar nenhum eletrodoméstico, mas pessoas próximas compraram em Setembro um equipamento por 299 Euros. Ontem estava marcado a 599 Euros e com uma redução de campanha para os mesmos 299 Euros que custava uns meses antes.

 

Em Fevereiro, tinha partilhado que me tinha inscrito na natação. Como gostei de frequentar e fez-me bem, este ano inscrevi-me outra vez. Fui à piscina no terceiro dia após a abertura das inscrições no Verão, mas já tinha muitos horários lotados. Os preços acessíveis do Município e a utilidade do desporto, justificam a elevada procura. Tive de ficar no mesmo nível, consegui o mesmo horário, mas em dias diferentes. Enfim, foi o que se conseguiu. 

 

Entretanto aproxima-se o Natal e os jantares, onde é preciso continuar a pôr uma parte do subsídio de lado só para eles. Este ano, tenho notado que alguns restaurantes aumentaram o preço, mas outros mantiveram face ao ano passado. Ainda assim, acho o preço elevado. Com eles vêm também os amigos secretos. As regras nos meus são têm sido unisexo e com limite de 5 Euros a sortear no jantar. No passado, comprei uns buff na Decathlon. É uma coisa útil que dá sempre jeito.

Este ano, terei que levar diferente. Gostava de oferecer algo que fosse útil. Lembrei-me de um pequeno sortido de queijos locais, daqueles pequeninos. Corro sempre o risco de a pessoa não gostar, mas acho piada.

 

PS: No domingo tirei esta foto em Argoncilhe. O Outono é aquela estação do ano em que conseguimos sempre fotografias bonitas :)

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:39

Coisas que me irritam no ginásio

18.01.23

20230118_225131.jpg

Só quem anda no ginásio vai perceber esta reclamação... a malta que vai tomar banho, acaba o shampoo/gel de banho e ... deixa a embalagem no chuveiro!

 

Custa alguam coisa pegar nela e colocar no caixote do lixo e levar para colocar no ecoponto?

É deixar o trabalho para quem vem a seguir. Já dizia alguém:o último fecha a porta 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:39

Coisas que me chateiam

07.06.22

Mais de dois anos depois, ainda se usa a desculpa da pandemia para justifcar falhas nos serviços de apoio ao cliente.

Que conveniente. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:40

Coisas da vida

03.04.22

rio inha pernetas.jpg

Trilhos do Rio Inha - Canedo - SM Feira

 

Os últimos dias não têm sido muito fáceis na minha vida particular.

Os meus vizinhos do lado são novos e descobri que o fogão deles fica ao lado da testeira da minha cama. Estou no apartamento há 7 anos e nunca tive problemas. Como a senhora trabalha de noite, nas suas folgas, cozinha de madrugada. O barulho dos tachos a poisar no fogão ecoa pela parede do prédio e não consigo dormir. Esta privação do sono tem-me posto nos arames...

 

No trabalho, surgiu uma oportunidade interna para funções diferentes que me está a fazer ponderar avançar ou não. Gostava de aprender coisas novas (já estou há quatro anos e meio na mesma área), mas tenho algumas inseguranças, tanto pela parte técnica como pelas pessoas novas.

 

No próprio ambiente social, primeiro o covid, depois a guerra e a avalanche de pessimismo que vivemos. Gera alguma ansiedade e horror.

 

Depois destas queixas da vida , lá consegui recuperar um bocadinho da horta. Ontem vi as curgetes a custarem 3 €/kg no supermercado. Comprei 4 pés a 0,20 € no horto para plantar. Anda tudo louco!

 

Vamos tentando viver um dia de cada vez, com optimismo.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:34

Saídas à noite pós trinta

27.03.22

Este fim de semana, fui pela primeira vez a uma discoteca pós pandemia.

Pelos vistos já não é preciso máscara.

Como estava entre amigos, nem me chegou sono. Apesar de mais velhos, estão muito mais calejados que eu. 

Ia bocejando, mas estava agradável e lá me aguentei/disfarcei .

Malta de todas as idades (receava que estivessem demasiados miúdos, mas os meus colegas já conheciam o espaço), músicas conhecidas, mas a certo ponto vieram as músicas brasileiras. Estavam uma miúdas perto de mim que sabiam as letras e coreografias todas. Eu sou sincero: não conhecia quase nenhuma música. Só os grandes hits da rádio. Deixei-me dançar pelo ritmo e lá tentei disfarçar.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:27

Copo de vidro, não

19.03.22

gelado.PNG

Esta semana, fui a uma gelataria, pedi uma bola de gelado e à pergunta "copo ou bola", perguntei se poderia ser num copo de vidro pois iria consumir no estabelecimento.

Foi-me dito que teria de consumir mais, ao que respondi que era para lhes poupar o desperdício do copo de papel. Mas não.

 

Num altura em que se fala de aumento do preço das matérias primas, encarecimento do papel, poupança de recursos, sustentabilidade e economia circular, procuro pôr em prática os 3 "R"s mas nem todos estão para aí virados.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:11

A falta de paciência

26.02.22

IMG_20180819_185628.jpg

Esta semana estava a chegar a casa, dirigia-me para a garagem para guardar o carro e vi a Polícia Municipal e uma vizinha.

Pelos carros à volta, das duas uma: ou tinha batido ou alguém tinha estacionado a bloquear o caminho.

 

Fui dar a volta para estacionar o carro, ver o que se passava e oferecer ajuda.

 

Era a segunda opção: um carro estacionou no caminho de servidão que dá acesso às traseiras do prédio, bloqueando a passagem. O facto de ser escuro na hora de Inverno, levou a que o condutor não reparasse. Quando me aproximei, já estava o reboque a caminho e com peixeirada entre o polícia que tentava suavizar e remediar  (com um irritante, diga-se, tom de chateado, nem percebi o porquê, porque é o seu trabalho) e a vizinha que queria o acesso desimpedido.

Sugeria o polícia que para evitar situações futuras, os moradores deveriam ir à Câmara Municipal pedir à vereadora para colocar linhas amarelas e sinalização vertical.

 

Se fosse eu não chamaria a polícia. Para quê? Não poderia esperar um pouco a aguardar o fim do evento?

Se a pessoa estivesse para sair para algum compromisso ou até para ir trabalhar fazia todo o sentido, mas não foi o caso.

As pessoas andam muito impacientes e às vezes do "contra".

 

Retirei-me. Não sei se entretanto o dono chegou...

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:38

Meia furada

11.02.22

258855989_643226526942750_3027504335484738621_n.jp

Este ano estava à espera que o Pai Natal me presenteasse com umas meias de Inverno.

Daquelas grossitas de algodão que habitualmente se chamam de "desporto". São as que uso no dia a dia porque são transpiráveis, não causam bolha nem cheiram a cholé. Customo ir à Feira de Espinho, mas devido ao COVID foi suspensa no dia que podia ir. As meias da feira são "Made in Portugal", baratas e de boa qualidade.

 

Como precisava mesmo, resolvi procurar online.

A minha primeira escolha foi a conhecida marca italiana e soube que vão descontinuar as meias de desporto (as minhas favoritas). O meu número estava esgotado. 

Depois, deixei-me levar pelo Google. 

Apesar de termos imensas empresas têxteis, temos pouquíssimas marcas ou lojas online de meias. É inacreditável.

 

Bem, encontrada uma pequena lista de sites/lojas, esbarramos no segundo problema: os portes de envio. As poucas lojas que há, só oferecem portes acima de 25 a 50 €, ficando muitas vezes mais cara o frete do que o produto. Quando lemos a disponibilidade em lojas físicas, é inexistente (uma delas nem o click and collect tem - levantamento da compra nline na loja física).

 

Posto isto, acabei por ir ao outlet de Vila do Conde às multinacionais desportivas onde consegui reabastecer o meu stock.

 

Posto duas conclusões: 

i) as compras online para pequenas coisas não compensam porque os fretes encarecem o produto

ii) a falta de ambição dos nossos empresários leva a muita dificuldade em encontrar venda ao público e quando há, não é acessível ou apenas em feiras.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:01

Depois dos 30

09.01.22

Ontem, fui a um bar depois de jantar e partilhei no Instragram este desabafo:

Depois dos 30.PNG

Pelos vistos não sou o único e parece que piora com a idade... 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:18

É muito isto

17.11.21

não posso0.PNG

Cruzei-me com esta foto no IG e achei muita piada porque é muito isto: temos sempre desculpa, sobretudo quando nos convém. 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:47


Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog

Arquivo

  1. 2024
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2023
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2022
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2021
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2020
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2019
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2018
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2017
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2016
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2015
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.