Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Um ministro da economia advogado

17.10.18

200px-Pedro_Siza_Vieira.jpg

Fico um pouco surpreendido quando vejo que foi nomeado um novo ministro da Economia que tem formação e experiência profissional em ... Direito. Ver aqui. Se for conhecedor da realidade e tiver competências, menos mal.

 

O problema são os conflitos de interesses entre funções públicas e empresariais.

Entre trabalhar como advogado para grandes lobbies e depois desempenhar cargos públicos em gere o bem comum.

Entre ter um processo no Tribunal Constitucional por ser sócio gerente de uma empresa imobiliária constituídas um dia antes de tomar posse.

 

Sigo no LinkedIn a atual Secretária de Estado da Industria. Quase todos os dias publica notícias ou fotos das visitas que faz às empresas... à economia real. 

Assim, deve ser a postura de um político: deixar o gabinete em Lisboa e governar conhecendo a realidade, ouvindo a população e no caso da economia, vivenciando com os diferentes agentes para saber como governar e as necessidades.

 

P.S.: Algumas pessoas que se dizem muito liberais, já fizeram questão de associar Graça Fonseca à sua orientação sexual em vez de se falar da ... sua competência para o cargo. A prioridade da crítica surpreende.

 

É assim que querem combater a abstenção nas eleições? Que regressem emigrantes para Portugal?

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:49


25 comentários

Imagem de perfil

De Marta Elle a 17.10.2018 às 18:00

Era melhor se fosse formado em Economia, mas pode ser que até faça um bom trabalho.
Imagem de perfil

De O ultimo fecha a porta a 18.10.2018 às 23:38

Sim, pode ter competências, mas as dúvidas quanto aos conflitos de interesse enquanto cidadão deixam-me desconfortável.
Perfil Facebook

De Teresa Silva a 17.10.2018 às 19:20

Infelizmente nestes casos existem sempre muitos interesses envolvidos!

Bjxxx
Ontem é só Memória (http://ontemesomemoria.blogspot.pt/) | Facebook (https://www.facebook.com/ontemesomemoria/) | Instagram (https://www.instagram.com/pequenabonecadetrapos/)
Perfil Facebook

De Magui Ferreira a 17.10.2018 às 19:44

O ex ministro da saúde era médico e não foi por isso que houve melhorias significativas nessa área.
Imagem de perfil

De cheia a 17.10.2018 às 21:50

Fiquei com a sensação de que esta remodelação não teve em conta a governação, mas a coesão do Governo e o combate político. É pena que os políticos pensem mais neles do que na Nação.
Quanto a Graça Fonseca, acho que é muito competente, e a sua orientação sexual, só a ela diz respeito. Com tanto debate sobre a igualdade de género e orientação sexual, infelizmente, ainda, continuamos num pântano.
Imagem de perfil

De Andy Bloig a 17.10.2018 às 21:54

Um ministro é um gestor. Deu aulas de vários níveis de fiscalidade e contratação pública.

O ministro da economia vai ter de negociar tratados e acordos, do que tocar na parte prática da actividade, que está entregue ao ministério das finanças. A maioria dos economistas acaba por fazer mestrados numa das áreas de direito, pois são adjacentes.
Imagem de perfil

De O ultimo fecha a porta a 18.10.2018 às 00:18

Não ache que substituir um independente (embora teórico) por um especialista em contratos na pasta da economia vá melhorar alguma coisa, nem credibilizar a pasta, sinceramente.

Não conheço nenhum economista nessa situação. Aliás a maioria dos economistas são financeiros/gestores :) uma minoria trabalha em investigação, outros em economia pp dita, mas esses ou têm muita sorte, ou têm o factor "c" ou "jota" do seu lado :)
Imagem de perfil

De Andy Bloig a 18.10.2018 às 09:24

Gestão e economia são semelhantes nos cursos superiores e nas funções desempenhadas, a maior diferença é na área administrativa, onde está o direito administrativo e fiscal. São 4 a 6 cadeiras de diferença entre um e outro (gestores tem a área psicológica que o economista troca por cadeiras de direito e temática globais). A grande maioria dos economistas/gestores tiram pós graduações ou mestrados ou doutoramentos noutras 2 áreas: direito e contabilidade.

Porque, ao contrário do que a grande maioria das pessoas acha, um economista sabe muito pouco de contabilidade e de números. São 2 cadeiras de contabilidade (uma delas é estatística que é mais matemática que contabilidade) contra 6 de direito. É por isso que escrevem muito e dão aulas.
Imagem de perfil

De O ultimo fecha a porta a 18.10.2018 às 23:47

Na minha licenciatura só tive duas cadeiras de direito e por acaso não conheço ng que esteja na área de direito. Mas voltando ao tema, será que o curriculum do senhor em causa traz o valor acrescentado que o ministério precisa? Conhecerá este homem a realidade dos diferentes agentes económicos, nomeadamente o empresarial que o país precisa?
Deve conhecer os dos lobbies que são clientes do seu escritório de advogados ...
Sem imagem de perfil

De Cláudia a 17.10.2018 às 22:24

A ver é se não é "mais do mesmo".
A seu tempo...

Beijocas
Sem imagem de perfil

De Pedro Coimbra a 18.10.2018 às 03:34

Estas nomeações têm muito a ver com outras coisas (aventais) e muito pouco com competência ou não.
Imagem de perfil

De O ultimo fecha a porta a 18.10.2018 às 23:44

Infelizmente parece-me ser o caso ...
Mesmo que seja alguém investigado por conflitos de interesses públicos e privados e um homem de gabinetes e lobbies que da economia real pouco ou nada percebe.
Imagem de perfil

De A rapariga do autocarro a 18.10.2018 às 11:34

E ver o retorno dos ajudantes de campo do Sócrates ...
Imagem de perfil

De omeumaiorsonho a 18.10.2018 às 12:04

"deixar o gabinete em Lisboa e governar conhecendo a realidade, ouvindo a população e no caso da economia, vivenciando com os diferentes agentes para saber como governar e as necessidades" - Não poderia estar mais de acordo ;)
Imagem de perfil

De m-M a 18.10.2018 às 12:40

Pensei e comentei o mesmo que tu, mal anunciaram os novos ministros.
Admito, faz-me confusão este trabalho "fora da área de formação", como que por magia...

Comentar post


Pág. 1/2



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D

Blogs Portugal